Esperança, sonho e realidade

Já repararam que, independente de quão difícil é a situação real, estamos sempre seguindo em frente, guardando no peito um sopro leve e especial? Sopro que guardamos em lugar seguro para que nada possa leva-lo para longe de nós. Esse cuidado é responsável pelo frescor que nos ajuda a vencer as intermináveis dificuldades, que esbarram por nós ao longo da nossa estrada. E são essas dificuldades as responsáveis por grandes revoluções internas que nascem de um sopro de esperança, sonho e realidade.

Quem nunca se pegou em uma enrascada daquelas, sem saber para onde ir ou o que fazer, mas, sabia que, lá no fundo, aquilo não passava de uma fase ruim e que não tardaria a ir embora? Pois é, saber ao certo o porquê seguimos acreditando em dias melhores é um tanto complicado. Uns chamam de fé, outros de otimismo e há quem diga que exista um pouco de loucura nisso. Loucura, aliás, é um termo muito utilizado quando não sabemos explicar uma situação, um fato.

Sopro e chama. A combinação perfeita que transforma a suavidade em intensidade, forte o suficiente para nos sustentar em períodos difíceis, ajudando a manter a cabeça erguida e a crença de que algo novo está por vir. Esses dois elementos podem fundir-se em um sentimento tão poderoso, quanto necessário, que nos leva a enfrentar desafios, entender as derrotas e saborear vitórias. Sopro e chama de viver, são os ingredientes que nos levam até a arma mais potente e necessária de nossas vidas: a esperança.

Esperança que é combustível diário, que não permite que deixemos de sonhar e acreditar. Não importa se são pequenos ou grandes, fáceis ou, aparentemente, impossíveis. Os sonhos alimentam e fortalecem nossas almas. Sim, pode até parecer piegas, ok, mas e daí? Mas não há como fugir dessa. Afinal, verdades importantes, daquelas incontestáveis, costumam ser constrangedoramente simples. Talvez por isso, tenhamos tanta dificuldade em aceita-las. Pior para nós. Mas, em algum momento, essa ficha cai e deixa tudo mais leve.

Esperança e sonhos nos inquietam, mas isso, por si só, não é tudo. É preciso transformar esse frisson em concretude. É o que chamamos de realização. Mas, essa conta nem sempre é fácil como parece. A esperança nos faz sonhar e pode, até, transformar sonhos em realidade. Mas é preciso um pouco mais. A concretização dos sonhos depende de sorte, mas, sobretudo, de atitude. Por isso, mantenha seus sopros de esperança sempre em lugar seguro, porque, de uma hora para outra, eles podem transformar seus sonhos em realidade.

Um comentário em “Esperança, sonho e realidade”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *